Logo Vejapixel

O que alguns especialistas em SEO não querem que você saiba sobre link building

Tópicos

Como você sabe, link building consiste em obter links de outros sites para o seu, aumentando a sua autoridade e relevância perante os mecanismos de busca. Sendo assim, essa é uma das estratégias mais interessantes de SEO (Search Engine Optimization), uma vez que ela visa chamar a atenção dos buscadores como o Google para o conteúdo publicado e, assim, aparecer nas primeiras posições das páginas de resultado.

Mas o que muitos especialistas em SEO não querem que você saiba é que nem todos os links são iguais, e que existem técnicas e ferramentas que podem ajudá-lo a conseguir links de qualidade, sem violar as diretrizes do Google ou arriscar penalizações.

Pensando nisso, hoje vamos revelar alguns segredos sobre o link building que podem fazer a diferença na sua estratégia de SEO. Então leia com atenção até o final e desvende muitos dos mistérios que envolvem o link building.

Afinal, link building é mesmo importante?

Com o avanço das tecnologias e as atualizações constantes dos algoritmos do Google, muita gente se pergunta se realmente o link building ainda faz diferença nas estratégias de marketing digital. Em especial os mais novos no mercado, que começaram a pouco tempo a trabalhar com monetização de sites e vendas na Internet.

No entanto, não importa o quanto os mecanismos de busca avancem, a autoridade do site ainda é um dos principais fatores de ranqueamento do Google e de outros como ele. Isso porque esses motores priorizam a experiência do usuário, preferindo exibir os resultados mais relevantes para quem faz a pesquisa na web.

E como você deve saber, os backlinks (links de outros sites que apontam para o seu) funcionam como votos de confiança, indicando que o seu site tem conteúdo relevante e de valor para os usuários. Assim, quanto mais links de qualidade você tiver, maior será a sua autoridade e visibilidade online.

Mas não basta ter muitos links, é preciso ter links de qualidade. Para esclarecer quais características determinam se um backlink é bom ou não, essas são as principais:

  • Vêm de sites com alta autoridade e reputação no seu nicho de mercado;
  • Têm relação com o tema do seu site e do seu conteúdo;
  • Possuem texto âncora (anchor text) variado e natural, sem usar palavras-chave excessivamente otimizadas;
  • Têm contexto e valor para o usuário, não sendo apenas inseridos de forma aleatória ou artificial.

Como conseguir links de qualidade?

Agora que você já sabe o que são links de qualidade, deve estar se perguntando como conseguir esses links para o seu site. A resposta é: com muito trabalho, pesquisa, criatividade e ética. Isso porque não existe uma fórmula mágica ou uma técnica infalível para o link building, mas existem algumas boas práticas que podem ajudá-lo nessa missão. 

Veja a seguir algumas delas.

Crie conteúdo de qualidade

Essa é a base de qualquer estratégia de link building. Afinal, se você tiver conteúdo original, relevante, atualizado e bem escrito, as chances de atrair links naturalmente serão maiores. Além disso, você pode usar o seu conteúdo como isca para conseguir links, oferecendo-o como fonte, referência, citação ou colaboração para outros sites do seu nicho.

Faça guest posts

Uma das formas mais comuns e eficazes de conseguir links de qualidade, fazer guest posts consiste em escrever artigos como convidado para outros sites do seu nicho, inserindo links para o seu site de forma natural e contextualizada. 

Para isso, você precisa pesquisar sites que aceitem guest posts, entrar em contato com os editores, propor temas relevantes e seguir as regras de cada site.

Use ferramentas de link building

Existem diversas ferramentas que podem facilitar e otimizar o seu trabalho de link building, desde a pesquisa de sites e oportunidades, até a análise e monitoramento dos seus links. 

Algumas das mais conhecidas são: Ahrefs, Moz, SEMrush, Majestic, BuzzSumo, entre outras. Essas ferramentas podem ajudá-lo a encontrar sites com potencial de linkagem, identificar os melhores conteúdos para se inspirar, verificar a autoridade e a qualidade dos links, acompanhar os resultados e muito mais.

Por isso, usar esse tipo de recurso pode fazer toda a diferença para os resultados da sua estrutura de link building.

Faça link baiting

Essa é uma técnica que consiste em criar conteúdos que chamem a atenção e despertem o interesse dos usuários, fazendo com que eles queiram compartilhar e linkar para o seu site. 

Alguns exemplos de conteúdos que podem funcionar como link bait são:

  • Infográficos;
  • Vídeos;
  • Podcasts;
  • E-books;
  • Webinars;
  • Estudos de caso;
  • Listas;
  • Guias, etc. 

O importante é que o conteúdo seja útil, informativo, divertido ou controverso, gerando valor e engajamento para o seu público.

Faça link outreach

Outreach nada mais é do que entrar em contato com outros sites e influenciadores do seu nicho, pedindo ou sugerindo links para o seu site. Para isso, você precisa ter um bom motivo para pedir o link, como por exemplo: ter um conteúdo complementar, uma proposta de parceria, uma menção, um feedback, etc. 

Além disso, você precisa ser educado, personalizar sua mensagem e ser direto na sua abordagem, mostrando os benefícios do link para ambas as partes.

Quais são os erros mais comuns no link building?

Assim como existem boas práticas no link building, existem também erros que devem ser evitados a todo custo, pois podem prejudicar a sua reputação e o seu ranqueamento ao invés de ajudar.

Dessa forma, veja a seguir alguns dos erros mais comuns no link building.

Comprar links de fontes não confiáveis

Essa é uma prática proibida pelo Google, que considera isso uma forma de manipular o seu algoritmo. Sendo assim, se você comprar links de agências ou profissionais não confiáveis, pode ser penalizado pelo Google, perdendo posições ou até sendo removido dos resultados de busca. 

Além do mais, negociar links com pessoas que não entendem como o algoritmo do Google funciona pode comprometer a sua credibilidade e a confiança dos seus usuários, que podem perceber que os links são artificiais e irrelevantes.

Fazer spam de links

Lembra que falamos que o Google prioriza a boa experiência do usuário? Então, se você fizer spam de links, isso pode incomodar os usuários, deixando “vossa majestade” bravo.

A saber, spam de links é uma prática que consiste em inserir links para o seu site de forma indiscriminada e excessiva, em sites, fóruns, comentários, redes sociais, e-mails, etc. Assim, isso também é visto pelo Google como uma forma de manipulação, e pode resultar em penalizações. Sem contar que essa estratégia pode irritar e afastar os seus potenciais clientes, que podem ver os seus links como intrusivos e indesejados.

Fazer link farming: outro tiro no pé do seu link building

Fazer link farming, por sua vez, é criar ou participar de redes de sites com o único propósito de trocar links entre si, sem levar em conta a qualidade ou a relevância dos sites ou dos conteúdos. 

Essa prática também é considerada uma violação das diretrizes do Google, e pode acarretar em penalizações. Além disso, fazer link farming pode prejudicar a sua autoridade e a sua imagem, pois os seus links estarão associados a sites de baixa qualidade e confiança.

Usar links quebrados ou inválidos

Usar links para o seu site que não funcionam, que levam a páginas inexistentes, que têm erros, que foram removidos, etc, pode prejudicar a experiência do usuário, que pode se frustrar e abandonar o seu site. 

Isso também pode prejudicar o seu ranqueamento, pois o Google pode interpretar que o seu site é desatualizado ou negligente. Por isso, é importante verificar e corrigir os seus links periodicamente, usando ferramentas como o Google Search Console, o Ahrefs, o Moz, etc.

Como garantir bons resultados com link building

O link building é uma das estratégias mais importantes e desafiadoras do SEO, que requer muito planejamento, pesquisa, criatividade e ética. Assim, não existe uma receita pronta ou um atalho para conseguir links de qualidade, mas existem algumas boas práticas que podem ser de grande ajuda. 

Contudo, se você é iniciante ou mesmo se já tentou e acabou não tendo bons resultados, pode ser desanimador continuar tentando. Afinal, são muitos pontos de atenção, como pesquisar os sites certos, definir qual conteúdo será mais interessante, entrar em contato com os administradores dos sites e por aí vai.

No entanto, não é por isso que você deve desistir do link building, pois, como vimos, essa estratégia é uma das mais essenciais para quem quer cair nas graças do “todo poderoso” Google e outros buscadores. Em vez disso, você pode contar conosco para fazer todo o trabalho pesado e trazer todo o link juice de que seu site tanto precisa.

Nós podemos fazer um trabalho de formiguinha, com pesquisa, aplicação, ajustes, etc, até chegar à perfeição. Aliás, temos parceria consolidada com sites gigantes, com milhares e até milhões de visitas mensais.

Portanto, não perca mais tempo e nem oportunidades de negócio. Entre em contato conosco hoje mesmo e veja como podemos ajudar seu site a chegar no topo das SERPs do Google rapidinho com a estratégia de link building certa!

Autor:

Estudante de Marketing Digital, Tecnólogo, pela Faculdade Anhanguera, de Leme-SP, com diversas certificações na área e simplesmente apaixonada pela Redação Web. Casada, mãe e aprendiz da vida!

Quer receber mais conteúdo como esse?

Inscreva-se e receba em seu e-mail as melhores dicas para gerar mais tráfego e venda para o seu site.

O seu e-mail estará seguro e você poderá removê-lo quando quiser.
Seja avisado
Me avise sobre
guest
0 Comentários
Comentários de trechos do post
Ver todos os comentários

Aumente o Tráfego Orgânico do seu site

Invista em link building e seja melhor posicionado nos resultados de busca do Google, Bing, Yahoo e outros buscadores.

undraw growing - homem e gráfico crescente
0
O que achou deste conteúdo? Comente!x
Categorias:
Compartilhe: